notícias

MEC abre sindicância para apurar edital de livros didáticos

MEC abre sindicância para apurar edital de livros didáticos

11

janeiro

O MEC (Ministério da Educação) informou nesta 5ª feira (10.jan.2018) que abrirá uma investigação para apurar a mudança no edital do PNLD 2020 (Programa Nacional do Livro Didático 2020) que orienta a produção de livros didáticos.
Mudanças no documento publicado em 2 de janeiro de 2019 permitiam a compra de obras com erros e propagandas.
Também havia sido retirada a parte que estabelece “atenção para o compromisso educacional com a agenda da não-violência contra a mulher”.
Após críticas, o MEC anulou as modificações do edital. Os livros didáticos adquiridos no programa serão distribuídos a alunos do ensino fundamental (6º a 9º ano) das escolas públicas em 2020.
Em nota, o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, afirmou que as alterações foram feitas em 28 de dezembro de 2018, durante a gestão de Michel Temer (MDB). Jair Bolsonaro tomou posse como presidente em 1ª de janeiro de 2019.
O edital foi lançado em março de 2018, mas sofreu diversas alterações ao longo do ano.


Fonte:www. poder360.com.br

visitante

8 9 5 0 1

envie seu comentário...

Opps! preencha corretamente os dados

enviar

peça seu som...

Opps! preencha corretamente os dados

enviar